Controle Financeiro - Escola de Skills

4 maneiras simples de ter controle financeiro

Ter controle financeiro ainda é um problema para muitas pessoas, principalmente para quem gasta mais do que ganha e acaba ficando no vermelho. 

Por isso, decidimos escrever sobre 4 formas simples de você manter um controle. Sem nada muito monstruoso e que você precise ter qualquer conhecimento prévio sobre finanças. 

Caso você não consiga ler é só rolar lá para baixo que tem o podcast desse artigo direto do Spotify! 

1 – Analise suas contas e anote

Pode parecer tolice, mas você não faz ideia de quantas coisas bobas você compra e deixa passar só por não analisar o extrato da sua conta/cartão. 

Eu mesmo antes de ser tão regrado nas minhas finanças, quando criei esse hábito de analisar os extratos fiquei assustado com a quantia de coisas que eu poderia reduzir. Só em Uber e iFood eu gastava mais de 100 reais no mês. 

Uma parte importante do seu controle financeiro é anotar tudo que você gasta. Sim, eu sei que parece chato e arcaico fazer isso, mas vai por mim, ter uma planilha que te ajuda nessas horas faz a diferença. Por isso, peça notinha de tudo que você comprar e depois anote. No final do mês você faz um balanço e seu bolso vai agradecer.

2 – Estabeleça sonhos e prazos

Sonhos com prazos se transformam em metas! E cá entre nós, quantos sonhos você tem atualmente que não envolvam dinheiro? Eu confesso que não tenho nenhum. 

Ou seja, use o seus sonhos com prazos (metas) como um gatilho para seu controle financeiro. Faça com que essas metas sejam o motivo para você poupar dinheiro e realizar aquela tão sonhada viagem ou comprar aquele smartphone da moda.

Ter uma motivação para te ajudar a poupar melhora muito o controle das suas finanças. 

3 – Crie um fundo de emergência

Quando alguém me pergunta sobre controle financeiro, o primeiro questionamento que eu faço é se a pessoa já tem um fundo de emergência. 

Se você ainda não tem o seu, está na hora de criar! E sério, não precisa ser um fundo enorme, depende muito do seu custo de vida na verdade. Pode começar com pouco, eu comecei o meu fundo com R$: 100,00 por mês, e já perdi as contas de quantas vezes ele me salvou. 

Mas preste atenção, o fundo de emergência como o próprio nome já diz é para te ajudar em caso de alguma EMERGÊNCIA. 

Exemplo real: há alguns meses atrás, por acidente eu quebrei um dente. Ou seja, não estava no meu controle financeiro gastar uma grana com o dentista. 

E aí que o fundo de emergência me salvou. Se eu não tivesse esse fundo, era bem provável que eu teria que tirar um dinheiro dos meus investimentos para pagar o conserto do dente. 

Se você é do tipo de pessoa que vive no limite das contas e que o dinheiro é contadinho para tudo, está mais do que na hora de criar o seu fundo de emergência. Afinal, você nunca sabe quando vai acontecer algum imprevisto.

4 – Corte os supérfluos

Eu tenho certeza que isso não é novidade para você. E que você já ouviu várias vezes que não é pra gastar com coisas supérfluas. 

Então já está na hora de sentar e avaliar as coisas fúteis que você acaba gastando seu dinheiro. 

Eu particularmente uso 2 hacks simples para fazer eu evitar de gastar com coisas supérfluas e assim manter o meu controle financeiro. 

No primeiro hack eu faço 3 perguntas para mim mesmo: 

  • Eu posso comprar isso a vista e agora? 
  • Se eu não comprar, o que vai acontecer? 
  • Eu preciso comprar?

Eu tento estudar a minha resposta para essas 3 perguntas, e avaliar se é realmente necessário. Detalhe, eu dou um peso maior para as últimas duas perguntas, pois eu tenho mindset que se eu ACHO que preciso comprar, é porque eu não preciso. 

O outro hack que eu uso parece bizarro, mas funciona! Se antes de dormir eu não pensar na coisa que eu quero comprar durante três dias, eu não compro. É isso aí mesmo, se for algo muito necessário, é quase impossível que eu não pense antes de dormir. Em outras palavras, pensei 3 dias seguidos sobre essa coisa antes de dormir, é porque eu realmente preciso comprar.

Esses hacks se adequam mais a compras caras. Mas é de muita importância para o seu controle financeiro que você dê uma boa atenção para aquelas gastos pequenos. É aquele velho ditado, de grão em grão a galinha enche o papo. 

E é isso aí, esperamos que você goste dessas 4 dicas para melhorar o seu controle financeiro. E caso você tenha mais alguma dica ou hack, não se esquece de comentar aqui embaixo.

MAIS CONTEÚDOS INCRÍVEIS PARA VOCÊ

LEIA TAMBÉM

Share this post

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on print
Share on email